Paciência fruto do Espírito


“Descanse no Senhor e aguarde por ele com paciência”.(Salmos 37.7)
Já viu aquelas pessoas que “explodem” por qualquer coisa e ainda usam como desculpa o “fato de terem personalidade forte”? Pois é. Nós cristãos não podemos ser “explosivos”, muito menos, arrumar justificativas como a citada. Por quê? Primeiro, porque temos o Espírito Santo habitando dentro de nós. Segundo, porque, por meio Dele, podemos ser pacientes, tanto com as pessoas ao nosso redor quanto para ver o cumprimento das promessas de Deus, pois paciência é uma das características do Seu fruto em nós.
As pessoas que estão à nossa volta não são obrigadas a suportar a “personalidade forte” de um cristão, até porque isso não existe para aqueles que seguem (ou deveriam seguir) os passos de Cristo. Precisamos refletir tudo aquilo que o nosso Senhor Jesus é. Sendo impacientes, não teremos sucesso nisso. Uma outra situação é que não devemos viver na impaciência querendo ter logo as respostas das nossas orações ou a realização de algo que Deus prometeu. Podemos usufruir da longanimidade, proveniente do fruto do Espírito Santo, e confiar na fidelidade do nosso Pai.