Uma igreja para um povo feliz...

sábado, 1 de agosto de 2020

O problema do pecado e suas consequências



Talvez o que mais dá medo no homem, é saber que um dia sua existência vai chegar ao fim; a  morte assusta qualquer um. E se houvesse um meio de conseguir burlar a morte? Na verdade, há sim, um meio de evitar a morte.


A primeira coisa que precisamos entender é que a morte só chegou a existir um dia, por consequência do pecado. Um dia lá princípio da criação, Deus disse ao primeiro homem, Adão, não coma do fruto do conhecimento do bem e do mal, pois o dia em que comer certamente morrerá. O problema que desde o princípio da criação, o homem sempre teve este impulso de conseguir as coisas de imediato. Pelo fato de não ser instantânea a morte de Eva ao comer do fruto, isto talvez tenha instigado a curiosidade em Adão, e ele também o comeu.


Criação Perfeita 


Deus ao criar a humanidade, a criou de forma perfeita. Nos diz a palavra de Deus, que o Senhor criou o homem a sua imagem e semelhança. Teria algo tão perfeito do que ser a imagem e semelhança de Deus? 


O homem recebeu de seu criador, o primeiro cargo de confiança que uma pessoa poderia ter, ser gerente do planeta. Deus colocou no homem a responsabilidade de administrar o planeta, seria bom lembrar o homem que ele ainda não foi exonerado do cargo, portanto ele era responsável por fazer com que as coisas no planeta permanecem em perfeita harmonia.


A origem do pecado


Como toda função importante, há também grandes responsabilidades. Deus deu apenas uma limitação para homem. O Criador disse: “De todos os frutos das árvores que estão no jardim, você pode comer, mas do fruto do conhecimento do bem e do mau, deste não!


Parece que o homem entendeu uma psicologia reversa. Talvez se Deus houvesse falado pode comer de todos os frutos principalmente o fruto do conhecimento do bem e do mau, até hoje o fruto estaria lá. Brincadeiras a parte, vamos dar continuidade.


Era uma tarefa muito simples e muito fácil de cumprir. Lamentavelmente o homem não foi capaz de cumprir esta pequena tarefa, embora fosse uma pequena tarefa, ela nos trouxe uma grande consequência. 


O pecado nos traz grandes consequências até os dias de hoje. No caso da queda do homem, lá no Jardim do Éden, houve diversas consequências. Vamos conferir algumas delas:

Consequência física


A consequência física foi a primeira dentre muitas outras, que foi avisada por Deus. Foi por l esta consequência ignorada pelo casal no Éden, que proporcionou as outras consequências sobre a humanidade.


Além da morte física do homem, a angústia, a tristeza, a doença e muitas outras reações foram consequência da queda do homem


Consequência social


Hoje o que nós conseguimos ver com maior nitidez,  é a consequência social causada pela queda do homem. Hoje os prejuízos sociais são diversos.


Só um desastre natural,  é que por um pouco espaço de tempo, pode trazer uma consciência na humanidade. Tais como uma enchente, onde o morador perde todos os seus bens, ou uma barragem que se rompe como foi Mariano (MG) para trazer compaixão, ou até mesmo o caso recente que estamos vivendo com o COVID-19 ( coronavírus).


Geralmente, com algumas exceções, as pessoas são egoístas, só pensam  em como vai conseguir tirar proveito da situação adversa alheia. E quando faz algo de bom, por traz deste ato de bondade, há outra coisa que irá receber em troca que vai compensar a boa ação, tais como: publicidade, status ou algo do tipo. Por isso Jesus ensinou para ajudar o próximo, sem esperar uma recompensa por isto.


Consequência espiritual


Esta foi a primeira consequência que aconteceu de forma imediata na vida do homem. Pois de imediato o homem perdeu sua comunhão com Deus. Todos os dias o Senhor descia para conversar com Adão, porém Adão nunca se escondeu de Deus, porém quando nossa vida espiritual é afetada, nós não conseguimos ter uma comunhão direta com Deus.


Esta é a pior consequência que a humanidade poderia sofrer, pois uma vez que não temos comunhão com Deus, abre-se um grande portão para que outras coisas ruins venha acontecer, por isso precisamos manter o contato com Deus.


Não podemos permitir, que nossa comunhão com Deus seja afetada,  a ponto de escondermos de Deus, com medo de uma repreensão do Senhor. Precisamos voltar a ter um relacionamento íntimo com o Senhor. 



Consequências gerais recebida de imediato por Adão e Eva



 

  • Entrou a morte na vida da humanidade

  • Aumentou o esforço do trabalho

  • A terra também sofreu consequência 

  • Com dores a mulher daria a luz

  • Seu desejo seria para seu marido

  • Houve um rompimento na comunhão com Deus

  • A terra foi amaldiçoada

  • O homem foi expulso do jardim


Muitas outras consequências sobrevieram posteriormente sobre a humanidade, agora a dor e a morte passou a fazer parte de nossa realidade.


Redenção


Há como consertar todo este estrago? Mais é claro que sim. Na verdade o plano de redenção foi de imediato em Gênesis 3: 15 “esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.” O que vemos aqui é uma profecia em relação a Jesus Cristo.


A comunhão com Deus precisava ser restaurada. Isto foi possível através do sacrifício de Jesus. Nossa alma anseia por Deus, isso ocorre pelo fato de Deus ter soprado nas narinas do homem e naquele momento o homem tornou-se alma vivente. Nossa alma sente a falta de seu Criador, por isso se por acaso você sente um vazio em sua alma, você precisa preencher este vazio. Jesus te preenche por completo este vazio.


Jesus não só veio para restaurar sua comunhão com o Pai, mas também veio para nos purificar de todo pecado, pois é o seu sangue derramado lá na cruz do calvário que nos purifica do pecado. Foi através deste sacrifício salvífico que novamente Deus nos comprou novamente pra si. Por isso nós somos propriedade de Deus.


Esmagar a cabeça


Esta expressão tem o sentido de destruir o poder do pecado sobre nós. O pecado deixa a pessoa como um escravo, ou seja, a pessoa não faz mais a sua própria vontade, por isso que é muito difícil uma pessoa tentar se libertar com seus próprios esforços do pecado.


Por quê você acha que é muito difícil uma pessoa se libertar de um vício?  Não é impossível mais é muito difícil, isto ocorre porque não conseguimos dominar as nossas vontades, e quando não dominamos a nossa vontade nos tornamos escravos.



Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado. João 8:34


O pecado universal


Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Romanos 3:23


Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram. Romanos 5:12


Paulo escreve aos romanos afirmando que o pecado em sua origem é universal. O pecado original do homem lá no Jardim do Éden, foi transferido para toda a humanidade, assim afirmamos que todo o homem é pecador. 


Por natureza o homem se inclina para o pecado, porém é possível resistir o pecado. Jesus em seu ministério terreno nos comprovou que é possível vencer o pecado, mesmo estando em matéria carnal, pois Jesus foi fiel em tudo e não conheceu o pecado. Mais e o pecado original do homem, Jesus era pecador? 


Esta Pergunta é muito fácil de responder. Sabemos que Jesus foi gerado pelo Espírito Santo, portanto Jesus não foi concebido pelo pecado, embora ele possuir duas naturezas, humana e divina, ele não herdou de Adão o pecado original, porém como homem ele estava sujeito ao pecado, porém Jesus venceu o pecado.


O pecado pessoal


Sem o sacrifício de Jesus para nos remir do pecado, digamos que o homem estava meio que sem opção contra a luta do pecado. Pois o homem já nascia em desvantagem, já nascia pecador, e o pecador é exatamente desta forma por ter nascido pela autoridade do pecado, porém uma vez que o pecado perde a sua autoridade sobre nós, através do sacrifício de Cristo, o pecado que era universal, agora passou a ser pessoal.


Se o pecado é pessoal, a salvação também é pessoal. Agora cada pessoa será responsável pelo seu pecado. O próprio Senhor nos deu esta afirmação.


Os pais não morrerão pelos filhos, nem os filhos pelos pais; cada um morrerá pelo seu pecado. Deuteronômio 24:16


Desta maneira, cada um vai ser responsável do que fizer através do seu corpo, seja bom ou seja mal, tudo será julgado e nada ficará encoberto.






Conclusão


Podemos observar que o pecado tem os seus danos colaterais. A palavra de Deus (bíblia) nos ensina que “um abismo, chama outro abismo”, ou seja, o pecado pode começar de uma maneira e a medida que o tempo vai passando ele se expande, tornando uma bola de neve, descendo ladeira abaixo, rumo ao precipício.


Share:

0 Comments:

Postar um comentário

Definition List

Unordered List

Support